Tropas Estelares | Clássicos da Ficção Científica #8

tropas_estelares_aleph-capa

Tropas Estelares (Starship Troopers) foi escrito pelo norte-americano Robert A. Heinlein e lançado em 1959, vencendo o prêmio Hugo de melhor romance em 1960, o segundo dos quatro prêmios que o autor conquistou na carreira.

A história é centrada no jovem cadete Juan Ricco, e segue toda sua trajetória no exército até ele se tornar um comandante em uma guerra interestelar trava entre a humanidade e uma raça alienígena referida apenas como “insetos”.

Tratando de temas como dever cívico, responsabilidade, guerra e sociedade, Tropas Estelares continua sendo, mesmo 56 anos após a data de sua publicação, alvo de controvérsias.

O livro é acusado de fazer alusões ao militarismo e ao fascismo ao apresentar uma sociedade onde punições capitais (chibatadas e enforcamentos públicos) são recorrentes e pela representação dos “insetos” como uma raça inferior que deve ser exterminada para o bem da humanidade.

Independentemente de suas alusões, Tropas Estelares possui uma narrativa simples e cadenciada, porém superficial, interrompida por capítulos expositivos que discutem questões sociais e filosóficas refletindo as opiniões de Heinlein.

Mas no fundo o livro é apenas uma introdução aos trabalhos mais complexos do autor como Estranho Numa Terra Estranha, para aqueles que buscam uma narrativa divertida e pouco aprofundada, mas cuja simplicidade e falta de sofisticação na argumentação de ideias acabam por prejudicar a leitura.

Compre Tropas Estelares na Amazon e ajude o Who’s Geek

Roberto Fideli

Jornalista e mestrando da Faculdade Cásper Líbero. Fanático por cinema, desenhos japoneses, fantasia e ficção científica. Seu sonho é ser piloto de naves espaciais, mas não tem coordenação motora para isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.