Uma Princesa de Marte, de Edgar Rice Burroughs

O escritor norte-americano Edgar Rice Burroughs nasceu em Chicago em 1875 e faleceu em março de 1950. Durante sua carreira ele escreveu mais de 80 romances, sendo que seus personagens mais famosos se tornaram Tarzan e John Carter, cada um deles protagonizando sua própria série de histórias. Burroughs foi introduzido ao Hall da Fama da Ficção Científica em 2003.

Uma Princesa de Marte conta a história de John Carter, um confederado americano que lutou na Guerra Civil, que, depois da guerra, começa a fazer prospecção no Arizona e descobre uma mina de ouro capaz de deixa-lo rico. Quando está fugindo de apaches ele descobre uma caverna que misteriosamente transporta ele para Marte, ou Barsoom, como o planeta é chamado pelos seus habitantes. Lá, ele descobre ter super-poderes que se manifestaram numa força sobrehumana resultante da baixa gravidade daquele mundo.

Carter se afilia à raça de marcianos verdes, sendo que o planeta também conta com uma raça de marcianos vermelhos, que se parecem muito com os humanos. É desse segundo grupo que pertence Dejah Thoris, princesa de uma tribo rival e por quem John Carter se apaixona.

Uma Princesa de Marte é o primeiro de uma série de onze livros intitulada Barsoom, que significa “marte”, na língua dos habitantes do planeta. A série é protagonizada por John Carter, um dos heróis mais conhecidos da ficção popular do começo do século vinte.

O primeiro livro apareceu na revista pulp All-Storie Magazine, e foi serializado entre fevereiro e julho de 1912, sendo impresso no formato de romance em 1917. Desde então, essa história se tornou um exemplo clássico da ficção pulp do começo do século XX e um marco seminal do subgênero da ficção científica conhecido como romance planetário que influenciou outras obras literárias como, por exemplo, Duna.

Uma Princesa de Marte é um livro de aventura muito divertido e excepcionalmente escrito por Edgar Rice Burroughs e que influenciou vários autores como Jack Vance, Ray Bradburry, Arthur Clarke, Robert Heilein e John Norman, além do físico e escritor Carl Sagan que leu Uma Princesa de Marte quando ele era criança.

O livro foi adaptado para o cinema pelos estúdios Disney em 2012, com o título John Carter: Entre dois Mundos pelo diretor Andrew Stanton e estrelado por Taylor Kitsch. O filme, embora seja bom, tem a distinção de ter tido o mais longo desenvolvimento da história do cinema: 79 anos. A pré-produção dele começou em 1931, quando Robert Clampett, diretor de Looney Tunes, quis fazer um longa animado baseado na obra de Edgar Rice Burroughs. Vários outros diretores foram abordados para dirigir este título, até que as filmagens começaram, finalmente, em 2010. Ele também tem a distinção de ser um dos maiores fracassos de bilheteria da história da Disney.

Roberto Fideli

Jornalista e mestrando da Faculdade Cásper Líbero. Fanático por cinema, desenhos japoneses, fantasia e ficção científica. Seu sonho é ser piloto de naves espaciais, mas não tem coordenação motora para isso.

Um comentário em “Uma Princesa de Marte, de Edgar Rice Burroughs

  • 22/10/2017 em 01:18
    Permalink

    Conheci o Who’s Geek há pouco mais de 5h e já passeei por vários posts seus! Simplesmente adorei! <3

    E já quero muito ler o livro, com certeza vai para a lista de desejados!

    Ah, e uma coisa: os vídeos de vocês possuem os links respectivos dos livros na Amazon, mas vocês poderiam colocá-lo também no post escrito, já ajuda alguns leitores, como eu :3

    Abraço e parabéns pelo conteúdo <3

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *